5 de out de 2011

Uma viagem com a família no campo ou uma trilha com amigos por terrenos onde nenhum carro de passeio ousaria chegar? Um passeio de fim de semana no shopping ou o trânsito pesado do dia a dia de uma grande cidade? Para o Renault Duster, tanto faz, pois essa versatilidade é um das mais importantes características desse novo lançamento da marca no Brasil. O novo utilitário esportivo da Renault do Brasil, que começa a ser fabricado e vendido no mercado nacional, mostrará aos brasileiros que ter um autêntico SUV (Sport Utility Vehicle) na garagem não é um sonho distante.

O Duster é um modelo que reúne todos os atributos que os consumidores desse concorrido segmento de mercado buscam: conforto, espaço, sofisticação e a valentia de um verdadeiro 4x4, refletindo a atual filosofia de trabalho “Mude a Direção”, adotada pela Renault: construir carros a partir das pessoas.

“Com a chegada deste SUV, a gama da Renault no Brasil fica ainda mais completa, com modelos capazes de satisfazer as mais diferentes necessidades dos consumidores em diferentes segmentos. Nosso plano é aumentar a participação no mercado brasileiro, e o Duster desempenhará papel decisivo para que tal objetivo seja alcançado”, explica Jean-Michel Jalinier, Presidente da Renault do Brasil.

Os números comprovam a afirmação de Jalinier. O volume de vendas de modelos SUVs no mercado brasileiro de veículos de passeio entre os anos de 2000 e 2010 registrou um crescimento superior a 16 vezes, enquanto o mercado cresceu 2,2 vezes no mesmo período. Em termos de participação do segmento SUV no mercado, houve um salto de 1% das vendas de veículos de passeio, em 2000, para 7,6% no ano passado.

A equipe do Renault Design América Latina (RDAL) trabalhou no desenvolvimento do desenho interno e externo tornando o modelo mais adequado ao desejo do cliente brasileiro. O desenho externo do Renault Duster remete à robustez, principalmente pelos contornos sobressaltados dos para-lamas e pela presença de linhas que transmitem a sensação de força em toda a carroceria. A equipe do RDAL desenvolveu um novo para-choque traseiro para deixar a peça mais harmoniosa e com um desenho que transmitisse mais robustez, além de ser mais adequada ao gosto dos consumidores brasileiros.

No interior, os profissionais do Renault Design América Latina conceberam um habitáculo totalmente novo, quando comparado à versão comercializada na Europa. O quadro de instrumentos e o painel central ganharam um novo desenho. A versão brasileira, além de novos tecidos, também conta com novas espumas dos bancos, desenvolvidas pelo RDAL, com as partes laterais mais realçadas, contribuindo assim para dar mais conforto e abrigar melhor o corpo de motorista e do carona. Novas harmonias internas, contribuem para um interior arejado e transmitem a ideia de luxo, devido, principalmente, à qualidade dos materiais utilizados. Para as versões mais completas, a equipe de designers desenvolvem um interior com duas tonalidades de cor, detalhe que as deixa ainda mais sofisticadas.

Graças às suas dimensões internas, o Duster tem o maior espaço interno da sua categoria. Sendo assim, uma de suas grandes vantagens é o de transportar com conforto e comodidade cinco passageiros. Os passageiros dos assentos traseiros possuem amplo espaço para ombros, pernas e cabeça.

O Renault Duster joga no time dos autênticos SUVs e, por isso, uma característica presente em todo o processo de concepção, desenvolvimento e produção é a robustez. Desde seu projeto inicial, o veículo foi concebido para ser um 4x4 robusto. Com sistema de tração nas quatro rodas, pneus de uso misto, posição de dirigir elevada e generosos ângulos de entrada e saída além da altura em relação ao solo, o utilitário é capaz de rodar com conforto no asfalto e enfrentar situações adversas fora-de-estrada.

O Duster é oferecido em seis versões de acabamento, com dois diferentes motores (1.6 16V Hi-Flex e 2.0 16V Hi-Flex) e duas opções de tração (4x2 ou 4x4). Todas as versões de acabamento do Duster já oferecem de série os itens mais valorizados pelos consumidores brasileiros de veículos SUV: direção hidráulica, ar-condicionado e vidros e travas elétricas.

O modelo, que é sucesso comercial em dezenas de outros países, e começa a ser produzido no Brasil teve o desenvolvimento de vários sistemas para o nosso mercado. São 774 novas peças em relação ao Duster comercializado na Europa. As principais mudanças foram nos sistema de suspensões, motores, câmbios, conforto acústico para o , realizado pelo Renault Tecnologias Américas (RTA), que conta com cerca de 1.000 engenheiros nas Américas, dos quais mais de 600 em São José dos Pinhais. “Nossa preocupação é desenvolver produtos adequados às preferências dos brasileiros, por isso o Duster nacional apresenta importante e significativas diferenças estéticas, de material e técnicas em relação ao modelo comercializado na Europa”, afirma Jalinier.

Outro ponto importante para o cliente é o fato do Duster contar com uma garantia original de fábrica de 36 meses, o que possibilita um baixo custo de manutenção e atesta a robutez do veículo. O modelo brasileiro ainda acena com uma completa linha de acessórios feita sob medida para o Brasil, alguns deles com funções que vão muito além da estética.

O Duster tem um excelente espaço interno. Sendo assim, uma de suas grandes vantagens é o de conseguir transportar com conforto e comodidade cinco passageiros. Os passageiros dos assentos traseiros possuem amplo espaço para ombros, pernas e cabeça.

O Renault Duster também oferece bom espaço não só para passageiros, mas para as bagagens também. O porta-malas, que conta com capacidade para até 475 litros. Com o banco traseiro rebatido, é possível levar ainda mais objetos, de bicicleta a pranchas de surfe, fazendo do Duster um veículo adequado ao lazer.

Duster 1.6 16V: É o modelo de entrada da gama, tem tração 4x2 e traz sob o capô o motor 1.6 16V Hi-Flex, regido por um câmbio mecânico de cinco marchas. Esta versão já vem equipada com roda 16” e os itens de conforto mais valorizados pelos consumidores brasileiros tais como ar-condicionado, direção-hidráulica, vidros dianteiros elétricos, travas elétricas e regulagem de altura do volante. No exterior, retrovisores e para-choques são pretos.

Duster Expression 1.6 16V: Esta versão intermediária também tem tração 4x2, câmbio mecânico e motor 1.6 16 Hi-Flex. Além disso, vem com airbags duplos, banco do motorista com regulagem de altura, vidros elétricos traseiros e alarme. No exterior, diferencia-se pelas rodas de aço estilizada de 16”, barras no teto e a parte superior dos pára-choques na cor da carroceria.

Duster Dynamique 1.6 16V e Dynamique 2.0 16V: Externamente, chamam atenção as rodas de liga leve (aro 16) e os faróis de neblina. No interior, o volante e a manopla de câmbio são revestidos em couro e o banco traseiro pode ser rebatido (1/3 e 2/3). Entre os itens de conforto estão o computador de bordo, o acionamento elétrico dos retrovisores externos. A segurança é reforçada pela presença do sistema de freios ABS. O opcional fica por conta dos bancos em couro.

Duster Dynamique com câmbio automático: Apresenta todos os itens da versão Dynamique, com o diferencial de contar com o câmbio automático com opção de troca seqüencial. A tração é 4x2 e o motor, 2.0 16V.

Duster Dynamique 4x4: Um legítimo off-road com tração integral e motor 2.0 16V. Além do sistema de tração, diferencia-se por ter roda de liga leve na cor preta, máscaras negras nos faróis de neblina, pára-choques com duas tonalidades e monograma com a inscrição 4WD (4x4).

O Renault Duster está disponível no mercado nacional em sete opções de cores: Prata Etoile, Azul Crepúsculo, Cinza Acier, Vermelho Fogo, Branco Glacier, Preto Nacré e Verde Amazônia, desenvolvida pela equipe de profissionais do Renault Design América Latina exclusivamente para o mercado brasileiro e que sintetiza a essência off-road presente no projeto do Renault Duster.

O Duster está disponível com duas opções de motor: 1.6 16V Hi-Flex, presente nas versões de entrada, Expresion e Dynamique; e 2.0 16V Hi-Flex, que equipa as versões Dynamique, Dynamique Automático e Dynamique 4x4. Ambos receberam ajustes específicos, nas partes de eletrônica e mecânica, para se adequarem perfeitamente ao novo utilitário esportivo da Renault.

Motor 1.6 16V Hi-Flex
Utilizado há algum tempo em outros modelos da Renault à venda no mercado nacional, o propulsor 1.6 16V Hi-Flex, produzido na fábrica de motores da Renault em São José dos Pinhais, notabilizou-se pela durabilidade, desempenho e economia de combustível.



Fonte Renault
Categories:

Receba as atualizações do Blog Carburado gratuitamente por e-mail:

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

1 - Todos os comentários serão moderados.
2 - Comentários com ofensas e vocabulário de baixo nível não serão aprovados.
3 – Comentários com ofensas a outros comentaristas não serão aprovados.
4 – Na medida do possível a havendo necessidade os comentários serão respondidos.
5 – Spans e propagandas não serão aprovados.
6 – O sistema de comentários possui um campo para website favor usar este campo pois só serão aprovados comentários com referencias para outros sites caso este for muito relevante.

Related Posts with Thumbnails

Receba as atualizações do Blog Carburado gratuitamente por e-mail:

Procurar

Inscreva-se no RSS Feed Siga o Carburado no Twitter!