22 de abr de 2009

Se você ainda não leu a 1ª parte, 2ª parte e 3ª parte de Troca de Anéis, pode ser que fique em duvidas no texto seguinte.

Anéis Muito Gastos


Existem diversas maneiras pelas quais podemos determinar se um anel está muito desgastado ou não.

Anéis de compressão excessivamente gastos podem ser identificados pela reduzida espessura radial, baixa tensão, folga excessiva entre pontas e o desaparecimento dos sinais das ferramentas de usinagem das faces externas dos anéis, como se vê na figura abaixo.


Observe-se como o anel de baixo desgastou-se e desapareceram os riscos de usinagem.



Comparação entre a espessura radial de um anel novo (à direita) com anel gasto (à esquerda).


Anéis de óleo muito gastos também podem ser identificados pela reduzida espessura radial, baixa tensão e folga excessiva. Os anéis de óleo de ferro fundido muito gastos podem,outrossim, ser identificados pela sua face de contato larga e lisa segundo a ilustração abaixo.


Um anel de óleo, de ferro fundido, quando gastos, tem as faces de contato largas e fendas rasas.


A mola expansora do tipo arqueado usada com os anéis tipo GX deve ser cuidadosamente examinada quando o anel for removido do pistão. Se a mola estiver encostando no separador de ferro fundido, os anéis estarão excessivamente gastos.


Um anel do tipo GX estará excessivamente gasto quando a mola expansora estiver encostada na face interna do separador.



Causas do Desgaste de Anéis


Tendo já aprendido a identificar os anéis muito gastos e a determinar se o desgaste ocorreu em proporção excessiva, é necessário, agora, um método prático para determinar-se qual foi a causa do desgaste:
- Abrasão
- Escoriação
- Corrosão

A aparência dos pistões, anéis e cilindros gastos fornece os indícios que auxiliam a fazer o diagnóstico.

Desgaste Provocado por Abrasivos


O desgaste provocado por abrasivos é responsável pela maior parte do desgaste excessivo nos motores, sendo facilmente identificável pelo exame das faces dos anéis.quando as faces estão cobertas de riscos verticais e apresentam uma aparência acetinada, cinza-opaco ou quando há uma folga muito grande entre pontas ou redução da espessura radial, os anéis foram gastos por abrasivos.


Anéis coma face de trabalho com riscos verticais provocados por abrasivos.


Qualquer desgaste visível nas faces dos anéis ou das canaletas mostra que havia abrasivos entre as faces laterais dos anéis e as canaletas.

Outras provas de desgastes causados por abrasivos são: paredes de cilindros riscadas, crista excessiva no cilindro, pino de pistão folgado, bielas e bronzinas excessivamente riscadas e saia do pistão com riscos verticais cinza-opacos (típico).


Pistão desgastado por abrasivos.

Categories:

Receba as atualizações do Blog Carburado gratuitamente por e-mail:

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

1 - Todos os comentários serão moderados.
2 - Comentários com ofensas e vocabulário de baixo nível não serão aprovados.
3 – Comentários com ofensas a outros comentaristas não serão aprovados.
4 – Na medida do possível a havendo necessidade os comentários serão respondidos.
5 – Spans e propagandas não serão aprovados.
6 – O sistema de comentários possui um campo para website favor usar este campo pois só serão aprovados comentários com referencias para outros sites caso este for muito relevante.

Related Posts with Thumbnails

Receba as atualizações do Blog Carburado gratuitamente por e-mail:

Procurar

Inscreva-se no RSS Feed Siga o Carburado no Twitter!