24 de jul de 2008

Dados preliminares do Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran) apontam que o estado apresentou em junho deste ano redução de pelo menos 70% no número de acidentes e 30% no de vítimas lesionadas, em comparação ao mesmo período em 2007. Apesar do crescimento da frota veicular, apenas sete acidentes entraram nas ocorrências, contra 22 registrados no ano passado.

Na avaliação da diretora do órgão, Mônica Melo, a redução é reflexo da aplicação da Lei Seca, que no último domingo completou um mês. Para ela, apesar das críticas levantadas, sobretudo por donos de bares e restaurantes, a Lei 11.705 - que prevê multa R$ 957,70 e perda do direito de dirigir por um ano para quem dirigir com qualquer teor de bebida alcoólica - trouxe para o Amazonas um saldo bastante positivo.

"Quem ganha é a população e a saúde pública, que começa a ter resultados significativos a partir das mudanças que nos foram apresentadas. As ocorrências de trânsito foram visivelmente reduzidas e nossa expectativa é que haja estabilidade desses números. Isso sem falar na segurança, que também é beneficiada", declara a diretora.

De acordo com ela, o cumprimento da Lei Seca no estado ainda precisa ser fortalecido. "Estamos nos preparando para instrumentalizar cada vez mais o cumprimento dessa medida. A compra de mais bafômetros e de mais guinchos estão nessa preparação.
Pode ser que haja o aumento de veículos apreendidos em função de tudo isso ou até mesmo do reforço da fiscalização", destaca.
Para garantir ainda mais tranqüilidade ao trânsito amazonense, a partir da meia-noite da próxima sexta-feira (25), o Detran Amazonas colocará novamente nas ruas o disque-pileque. Criado no carnaval deste ano, o serviço disponibiliza, de sexta a domingo, um número de telefone para acionar uma "carona" do órgão de trânsito no Amazonas. O objetivo é atender quem não estiver em condições de dirigir o próprio veículo.

Segundo a diretora Mônica Melo, já está tudo pronto para garantir o atendimento a um número expressivo de pessoas. Contudo, ressalta, o ideal é que todo motorista que desejar sair para beber, se preocupe e programe a sua volta para casa. O serviço também pode ser acionado por outra pessoa que esteja vendo a impossibilidade de alguém dirigir após o consumo de bebida alcoólica.

"Contamos com mais de 20 motocicletas, mais de dez viaturas e ainda com o Sindicato dos Taxistas que irá nos ajudar a realizar os atendimentos. Ainda assim, antes de acionar o disque-pileque, o motorista deve buscar fazer sua parte elegendo um amigo para obter uma carona ou até contratar um táxi, se puder. O disque-pileque deve ser acionado em último caso. Não há cobrança na discagem nem no próprio deslocamento para quem ligar. Quem vai arcar com esse custo é o estado", revela.

O serviço estará disponível das 0h de sexta-feira às 23h59 de domingo, sem interrupções. Os interessados devem ligar para 0800-2801515 (ligação gratuita) ou (92) 3642-6708.


Fonte
Categories:

Receba as atualizações do Blog Carburado gratuitamente por e-mail:

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

1 - Todos os comentários serão moderados.
2 - Comentários com ofensas e vocabulário de baixo nível não serão aprovados.
3 – Comentários com ofensas a outros comentaristas não serão aprovados.
4 – Na medida do possível a havendo necessidade os comentários serão respondidos.
5 – Spans e propagandas não serão aprovados.
6 – O sistema de comentários possui um campo para website favor usar este campo pois só serão aprovados comentários com referencias para outros sites caso este for muito relevante.

Related Posts with Thumbnails

Receba as atualizações do Blog Carburado gratuitamente por e-mail:

Procurar

Inscreva-se no RSS Feed Siga o Carburado no Twitter!